Turnover: como reduzir a rotatividade de pessoal e evitar prejuízos para a empresa

O turnover significado, ou rotatividade de funcionários, é uma taxa que...
turnover

O turnover, ou rotatividade de funcionários, é um fenômeno que preocupa as empresas de todos os setores. Uma alta taxa de turnover pode causar diversos impactos negativos, como perda de conhecimento e experiência, aumento nos custos de recrutamento e treinamento, redução da produtividade e danos à reputação da empresa no mercado de trabalho.

Neste artigo, vamos discutir o turnover significado, seus principais aspectos, incluindo suas causas, consequências e estratégias para reduzi-lo.

Turnover Significado

Turnover significado, no contexto empresarial, é um termo que refere-se à taxa de rotatividade de funcionários em uma organização. Este fenômeno é de grande relevância para as empresas, uma vez que impacta diretamente na estabilidade e eficiência operacional. Compreender o turnover significado, suas causas, cálculos associados e estratégias para reduzi-lo são elementos cruciais para a gestão de recursos humanos.

Tipos de Turnover significado

Turnover voluntário

O turnover voluntário é aquele que ocorre por iniciativa do colaborador. Ele pode ser dividido em dois tipos:

  • Turnover funcional: ocorre quando o colaborador que solicita a demissão possivelmente apresenta baixo desempenho ou cujas funções podem ser facilmente substituídas. Esse tipo de turnover não é tão prejudicial à organização.
  • Turnover disfuncional: ocorre quando o colaborador que solicita a demissão possivelmente apresenta alto desempenho ou cujas funções são essenciais para a empresa. Pode ocorrer quando há falta de reconhecimento, seja financeiro ou não. Esse tipo de turnover é prejudicial à organização.

Turnover disfuncional evitável

O turnover disfuncional evitável é aquele que ocorre por motivos que poderiam ser evitados pela empresa. Por exemplo, um colaborador pode solicitar a demissão por falta de reconhecimento, oportunidades de crescimento profissional ou um ambiente de trabalho tóxico.

Turnover disfuncional inevitável

O turnover disfuncional inevitável é aquele que ocorre por motivos que não podem ser evitados pela empresa. Por exemplo, um colaborador pode solicitar a demissão para se mudar para outra cidade, para cuidar de um familiar ou para se aposentar.

Turnover involuntário

O turnover involuntário é aquele que ocorre por iniciativa da empresa. Ele pode ser dividido em dois tipos:

  • Turnover interno: ocorre quando a empresa demite um colaborador para preencher uma vaga interna. Por exemplo, um colaborador pode ser demitido para que outro colaborador, com um cargo mais alto, possa assumir suas funções.
  • Turnover externo: ocorre quando a empresa demite um colaborador por motivos externos, como uma crise econômica ou uma reestruturação organizacional.

Quais são as principais causas do turnover?

As causas do turnover são diversas, listamos aqui as principais, que são:

Falta de reconhecimento

O reconhecimento é uma das necessidades humanas mais básicas. Quando os colaboradores não se sentem reconhecidos por seu trabalho, eles se sentem desmotivados e desvalorizados. Isso pode levar a um desinteresse pela empresa e a uma busca por oportunidades em outro lugar.

Ausência de oportunidades de crescimento profissional

Os colaboradores desejam crescer profissionalmente e se desenvolver seu plano de carreira. Quando não há oportunidades de crescimento na empresa, os colaboradores podem se sentir estagnados e frustrados. Isso pode levar a um descontentamento com a empresa e a uma busca por oportunidades em outro lugar.

Insatisfação com o ambiente de trabalho

O ambiente de trabalho é um fator importante para a satisfação dos colaboradores. Quando o ambiente de trabalho é tóxico ou desmotivador, os colaboradores podem se sentir infelizes e insatisfeitos. Isso pode levar a um desejo de sair da empresa.

Ineficácia na gestão e/ou liderança

Uma gestão e/ou liderança ineficaz pode levar a um clima organizacional ruim, a uma falta de clareza nos objetivos e a uma falta de confiança entre os colaboradores. Isso pode levar a um descontentamento com a empresa e a uma busca por oportunidades em outro lugar.

Pouca flexibilidade

A flexibilidade é um fator importante para a satisfação dos colaboradores, especialmente nos dias de hoje. Quando a empresa não oferece flexibilidade, os colaboradores podem se sentir presos e insatisfeitos.

Salário abaixo da média do mercado

O salário é um fator importante e determinante para a satisfação dos colaboradores. Quando o salário é abaixo da média do mercado, os colaboradores podem se sentir desvalorizados e insatisfeitos.

Sobrecarga do(a) colaborador(a)

A sobrecarga do colaborador pode levar a um estresse excessivo, a um desgaste físico e mental e a uma falta de produtividade. Isso pode levar a um descontentamento com a empresa e a uma busca por oportunidades em outro lugar.

É importante que as empresas estejam atentas a essas causas para evitar o turnover, que pode ser um grande custo para a organização.

Como calcular o turnover?

O cálculo do turnover é uma prática fundamental para avaliar o cenário de recursos humanos em uma organização. A fórmula básica para calcular o turnover é:

Turnover = {[(admissão+demissão)/2] /nº total de funcionários ativos} 100

Para realizá-lo é preciso ter em mãos alguns dados referentes a entrada e saída dos funcionários (admissões e demissões) em um determinado período. Para isso, geralmente, as empresas utilizam dados referentes ao último ano para calcular a taxa de turnover. São eles:

  • O número total de funcionários da empresa;
  • O número de admissões;
  • O número de demissões (voluntárias ou involuntárias).

Então vamos lá:

Primeiro, faz-se a soma do número de admissões na empresa com o número de funcionários que saíram (demissões). O resultado dessa soma deve ser dividido por dois.

Em seguida, é preciso dividir o novo resultado obtido pelo número total de funcionários ativos na empresa. O resultado final será um número decimal.

Assim, para chegar no resultado percentual é preciso multiplicá-lo por 100.

Para ficar mais fácil compreender, explicamos com um exemplo:

  • Uma empresa possui 250 funcionários, no momento;
  • Essa empresa admitiu 50 funcionários no último ano;
  • E houve 25 demissões (voluntárias ou involuntárias) no período.

Dessa forma, primeiro, faz a soma do número de funcionários contratados (50) com o número de demissões (25). O resultado é 75.

Em seguida, vamos dividir esse resultado por 2. 75/2 = 37,5

Por fim, divide-se o novo resultado (75,5) pelo número total de funcionários da empresa (250) = 0,30.

Como explicamos anteriormente, o resultado obtido é um número decimal. Portanto, para descobrir a taxa percentual de turnover, é preciso multiplicá-lo por 100.

100 x 0,30 = 30%

PARA SE APROFUNDAR…

Cálculo Turnover: Como Calcular o Turnover da sua Empresa

E qual é o percentual ideal para o turnover?

Não há um percentual único que seja considerado ideal para o turnover, pois o valor aceitável varia conforme o setor e a região. No entanto, as empresas que mantêm uma taxa de turnover moderada, geralmente inferior a 10%, tendem a apresentar maior estabilidade e satisfação entre os colaboradores.

É crucial que as organizações analisem periodicamente seu próprio histórico de turnover e o comparem com benchmarks do setor para avaliar sua posição e identificar áreas de melhoria.

Quais são as consequências de uma alta taxa de turnover?

Uma alta taxa de turnover pode acarretar diversas consequências negativas para uma empresa. Entre os impactos mais significativos, destacam-se:

  • Perda de conhecimento e experiência: os funcionários desligados levam consigo seu conhecimento e experiência, que podem ser valiosos para a empresa.
  • Aumento nos custos de recrutamento e treinamento: a empresa precisa investir em recrutamento e treinamento para substituir os funcionários desligados.
  • Redução da produtividade: os novos funcionários podem levar algum tempo para se adaptar ao novo ambiente de trabalho, o que pode reduzir a produtividade da empresa.
  • Danos à reputação da empresa: uma alta taxa de turnover pode prejudicar a reputação da empresa no mercado de trabalho, dificultando a atração de novos talentos.

Como reduzir o turnover?

Para reduzir o turnover, as empresas precisam adotar estratégias abrangentes. Essas estratégias devem focar em melhorar o ambiente de trabalho e promover a satisfação dos funcionários, e acima de tudo, deve-se ouvir os(as) funcionários(as).

Algumas estratégias para reduzir o turnover incluem:

  • Oferecer um ambiente de trabalho saudável e estimulante: a empresa deve investir em um ambiente de trabalho que seja seguro, agradável e estimulante. Isso inclui fatores como:
    • Layout do escritório: o escritório deve ser projetado para ser confortável e funcional.
    • Ergonomia: os funcionários devem ter acesso a equipamentos ergonômicos que ajudem a prevenir lesões.
    • Iluminação: a iluminação deve ser adequada para as atividades realizadas no escritório.
    • Acústica: o nível de ruído deve ser adequado para evitar distrações.
    • Clima organizacional: o clima organizacional deve ser positivo e colaborativo.
  • Oferecer oportunidades de crescimento profissional: a empresa deve oferecer oportunidades de crescimento profissional para os funcionários, como treinamento, desenvolvimento e plano de carreira. Isso pode ajudar os funcionários a se sentirem valorizados e motivados.
  • Reconhecer e valorizar os funcionários: a empresa deve reconhecer e valorizar o trabalho dos funcionários, por meio de feedback, elogios e recompensas, e realizar pesquisas de clima para ouvir e entender as críticas e sugestões dos colaboradores. Isso pode ajudar a impulsionar o sentimento de apreço e motivação.
  • Oferecer benefícios competitivos: a empresa deve oferecer benefícios competitivos, como salários, plano de saúde, plano odontológico, seguro de vida, educação corporativa e etc. Isso pode ajudar a atrair e reter os melhores talentos.

Tendências para reduzir o turnover em 2024

À medida que entramos em 2024, algumas tendências emergem como promissoras para a redução do turnover. Essas tendências incluem:

  • Investimento em tecnologia: o investimento em tecnologia, como softwares de análise preditiva, inteligência artificial e plataforma LMS com dashboards de engajamento, podem ajudar as empresas a identificar e prever casos de rotatividade.
  • Flexibilidade no trabalho: a oferta de opções flexíveis, como trabalho remoto e horários flexíveis, pode aumentar a satisfação dos funcionários e reduzir a rotatividade.
  • Diversidade e inclusão: a promoção de um ambiente de trabalho diverso e inclusivo pode contribuir para a atração e retenção de talentos.

LEIA TAMBÉM

Retenção de Talentos: Uma Estratégia Necessária Para Reduzir Custos

Conclusão

O turnover é um fenômeno complexo que demanda a atenção e o cuidado das organizações. Compreender suas causas, calcular suas taxas e adotar estratégias eficazes para reduzi-lo são elementos essenciais para a gestão de recursos humanos.

A busca por um ambiente de trabalho saudável, aliada às tendências emergentes, pode proporcionar às empresas uma vantagem competitiva significativa na retenção de talentos em 2024.

A valorização dos colaboradores não apenas como recursos, mas como peças fundamentais para o sucesso organizacional, é o caminho para construir organizações sustentáveis e eficientes a longo prazo.

Você também pode se interessar por:
squads
Segundo um estudo da McKinsey, empresas que adotam métodos ágeis, como squads, têm 60%...
tecnologias IA
A era digital trouxe inovações, mas poucas tecnologias são tão transformadoras quanto a IA,...

Demonstração para você de RH

Insira suas informações abaixo, faça uma demonstração guiada e teste grátis.

Conte com o apoio do maior grupo educacional do Brasil

Obrigado, nossa equipe irá entrar em contato o mais breve possível.